Posts tagged “Sabugal

a raia



A raia Beirã sempre foi, para mim, um imenso mistério.
Terra de contrabando e passagens “a salto”. De heróis e vilões.
Foi por isso com emoção que desci, há alguns meses, de Vilar Formoso pela “nacional” 332.
Em direcção a Nave de Haver, onde o trabalho me levava.
Mítica essa estrada, onde apenas as casotas dos guardas denunciam a proximidade de uma fronteira invisível.
Por onde outrora passaram tantos, à procura de melhor sorte.
Por onde outrora entrou tanto, que de outra forma era negado.
Onde a miséria geral garantia o modo de vida de alguns.
Hoje resta o abandono. As memórias de outros tempos.
A miséria geral, apenas.
Ontem regressei.
Subi do Sabugal, novamente em trabalho, rumo a Vilar Maior.
E essa viagem levou-me a um passado mais longínquo.
De disputas entre Castilla-Léon e Portugal.
De castelos, que se sucedem a um ritmo impressionante. Que surgem, altivos, quando menos se espera.
É assim o de Vilar Maior.
Com a sua elegante torre, rematando as ameias irregulares e almendradas
Encimando uma aldeia que não perdeu ares da importância de outrora.
Que conserva uma personalidade estranha, cotraditória.
De abandono, mas de altivez.
De derrota, mas de esperança.
De fim próximo, mas de recusa.
Voltarei. A Alfaiates, Castelo Mendo, sei lá
Voltarei quando me apetecerem “os dias rubros de soalheira, as vinhas, os baldios, os lagartos torrando-se no cimo das fragas, vida quente e livre, sem aquelas necessidades miseráveis de comida, botas, tabaco e vinho”

Anúncios