Image

15

20121020-102152.jpgDa Luísa, destes 15 anos poderia escrever sem fim à vista. De como foi feliz o dia de Outono em que ela nasceu, de como foram felizes todos os dias que se lhe seguiram, de como serão todos os que virão. Ou da primeira vez em que, esmagado pela sua alvura serena a segurei em meus braços, ou dos beijos de boa noite que encerraram os dias, todos os dias desde então. De todos as jornadas de escola, creche, primária ou liceu, das descobertas, dos sucessos, dos ensaios, dos concertos, dos espectáculos. De todos os jogos do Benfica que vimos juntos, todas as desilusões que sobre nós se abateram, todas as pragas que rogámos, toda a devoção que partilhámos, todos os abraços, sobretudo desses, dos tantos abraços que selaram outros tantos golos bonitos, sofridos ou simplesmente golos. Poderia escrever, poderia ficar aqui a escrever sem fim à vista. Não o farei, há parabéns para cantar, velas para soprar e um bolo para abrir. E um dia para celebrar.

6 responses

  1. Sara Ferreira d Silva

    Parabens,Luísa.Bom dia para vocês também, Ana, Pedro e Francisco

    Outubro 20, 2012 às 12:26 pm

  2. Isabel

    Parabéns à Luisa! E ao pai que a descreve com um amor incomparável, apenas semelhante ao que nutre pela mãe dela e pelo irmão. Parabéns, meu querido amigo.

    Outubro 20, 2012 às 12:54 pm

  3. Adorei o texto! Adorei a foto! Minha afilhadinha tá LINDA demais!!!! Bjs, Bê

    Outubro 22, 2012 às 11:21 pm

  4. Mercedez Benz

    Linda Luisa, ou direi antes “Luiza”, como a musica do Tom Jobim! Parabens Pedro pela linda filha e pelo amor que ela te despertou tão notório nestas doces palavras com que a descreves! E como cresceu esta linda Luisa! Beijinhos a ela e aos pais dela que a fizeram vir ao Mundo*

    Outubro 23, 2012 às 12:04 am

  5. Bela

    Boa noite minha Princesa! Sempre foste e serás a minha Princesa! Sempre foste e serás linda! Serás feliz e saudável e chegarás tão alto quanto a tua vontade desejar! Serás o orgulho e a felicidade de todos os que te querem bem, incluíndo eu, querida Afilhada! Não podes imaginar a felicidade que senti, quando teus Pais há 15 anos atrás me escolheram para ser tua Madrinha! A vida dá voltas e mais voltas e por vezes oferece-nos momentos únicos de felicidade! Esse foi um dos poucos que tive! Não imaginas o receio que tinha que não gostasses de mim: é que durante o teu 1º ano de vida, choravas tanto quando eu ou alguém que não fosse os teus Pais, pegassem em ti ao colo! e depois chegou a altura de te pores de pé e não querias : dobravas as tuas perninhas lindas e não te mantinhas de pé! Tirei dúvidas nos meus “calhamaços” e troquei impressões com os meus Colegas Pediatras para tentar descobrir algo de anormal. Mas não! Eras uma criança perfeitamente normal e quando chegou a tua altura certa, seguraste-te firme e andaste e correste….. correste linda,………………………………….
    como só uma Princesa como tu sabe!
    Parabéns mais uma vez minha Princesa, e também parabens a teus Pais e Irmão. Gosto muito de todos vós!

    Outubro 23, 2012 às 11:45 pm

  6. Bonito texto! Parabéns!🙂

    Outubro 24, 2012 às 4:05 pm

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s