diapositivo

diapositivo

imagem fotográfica positiva, em vidro ou em película, para ser observada por transparência ou em projecção

 

A partilha das imagens era virtualmente impossível.
A primeira alternativa era a projecção.
Montar a tela ou tirar o quadro da parede branca.
Procurar um local para o projector, a uma distância razoável, a uma altura que permitisse uma linha de projecção ortogonal.
Colocar os slides no bastidor com cuidado. Uma queda representava trabalho infindo…
Depois iniciar a sessão. Esperando um mínimo de precalços.
Um slide encravado exigia rapidez e destreza. Caso contrário era melhor ter uma lâmpada nova à mão…
Outra alternativa era a visualização através de um pequeno dispositivo que se passava de mão em mão.
Onde os slides eram vistos um-a-um. Demoradamente, deixando um rasto de slides espalhados pela mesa.
A passagem para papel, essa não era mais fácil.
Decepcionante, se feita pelo económico método positivo-negativo.
E dispendiosa, quando se recorria ao processo Cibachrome.
Sim, a logística era complicada.
Por isso, na maior parte dos casos, as imagens ficavam para sempre aprisionadas naquele caixilho de plástico, dentro de uma qualquer caixa, num qualquer armário.
Algumas sobreviveram ao tempo, por artes misteriosas.
Pelas cores, saturadas, naturais e hipnóticas.
Pela realidade que vemos ainda hoje, naquele rectângulo de 24x36mm.
E o que vemos é, aliás, melhor do que a realidade: é fotografia no seu melhor.
É magia, no fundo.
Magia positiva…

Anúncios

2 responses

  1. Lá em casa a gente fazia grandes sessões de projeção de slides e Super 8, com direito a pipoca e tudo! Era muito divertido, meu pai adorava fotografar e até hoje temos um acervo gigantesco da vida em priscas eras graças a esse ‘vício’, que ele se encarregou de transmitir para os filhos.
    Adorei a foto. Como disse lá no FB, tem um quê de Mondrian que ficou show! 🙂
    bjk

    Outubro 17, 2010 às 9:58 pm

  2. O projector reflecta que “herdei” de meu pai eu conservo até hoje, funcionando… e o acervo de slides também.
    Tenho como objectivo passá-lo a digital, mas o tempo é bem escasso, e não abunda…
    Bj

    Outubro 17, 2010 às 10:36 pm

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s