egoísta

Há fotografias que valem apenas pelo acto de fotografar.
Pelo prazer do fotógrafo.
Pela processo em si mesmo.
As escolhas, as decisões.
As dificuldades.
A concentração, a vertigem do momento.
O resultado, esse não prima pelo conteúdo.
Pela originalidade.
Não faz ninguém parar. Não faz pensar.
Não impressiona pela qualidade estética.
Jamais merecerá uma parede.
Não vai perdurar.
Esgotou-se no momento em que o obturador fechou.
Esfumou-se com prazer efémero do fotógrafo.
Há fotos assim, felizmente.
Simples e egoístas…
Advertisements

3 responses

  1. Sérgio

    Ainda bem que estamos na era do digital sempre fica mais baratinho.
    Abraço Sérgio

    Setembro 24, 2010 às 7:42 am

  2. Dino

    Eu vi …

    Setembro 27, 2010 às 8:56 am

    • Claro que viste. Isto e muito mais…

      Setembro 30, 2010 às 10:12 pm

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s